“Precisamos discutir outras matrizes energéticas para o Paraná”, afirma Paulo Litro

10/24/2017 Assessoria Paulo Litro

Foi lançada nesta terça-feira (24), na Assembleia Legislativa, a Frente Parlamentar dos Produtores de Energia Elétrica. O objetivo é discutir amplas frentes de produção e geração de energia no Estado do Paraná. “Queremos diversificar a matriz energética no Paraná e temos vocação para isso. Acredito que por meio de políticas públicas conseguiremos incentivar essas ações”, destacou um dos coordenadores da Frente Parlamentar, deputado Paulo Litro (PSDB), que conta com a participação de outros 30 deputados.

A Frente Parlamentar foi criada para ser  uma espécie de mediadora entre os empresários e o Poder Público, já que o Paraná é também um Estado com grande potencial hidroenergético e, segundo os produtores,  pode servir de exemplo para o Brasil em velocidade, qualidade e custo, com o objetivo de gerar energia para que a sociedade tenha mais oferta,  boa qualidade e com baixo impacto ambiental, conforme justificou Valmor Alves, presidente do Conselho de Administração da ABRAPCH, a Associação Brasileira das Pequenas Centrais Hidrelétricas.

Durante a apresentação do superintendente da Aneel, Hélvio Neves, foi apresentada uma pesquisa realizada pela Agência. Nela, é possível verificar a diferença nos indicadores de desenvolvimento onde foram instaladas Pequenas Centrais Hidrelétricas. Um dos locais em que o estudo foi realizado, é o Sudoeste do Estado.

Para ele, os impactos positivos das centrais são maiores que os negativos e a Frente Parlamentar deve contribuir para que esses benefícios cheguem a mais lugares no Estado.

Estiveram presentes também o presidente da Associação Brasileira de PCH´s e CGH´s, Paulo Arbex; presidente do Conselho da Associação Brasileira de Pequenas Centrais Hidrelétricas e Centrais Geradoras Hidreléticas, Valmor Alves; presidente da Associação Paranaense dos Geradores de Energia, Gustavo Ribas e o superintendente de Concessões e Autorizações de Geração da Agência Nacional de Energia Elétrica- ANEEL, Helvio Neves Guerra.

 

, ,